Segunda, 27 de maio de 2024
Geral

24/04/2024 às 21h12

165

Redacao

Vila Velha / ES

Após morte de cachorro, Gol suspende transporte de pets em porão das aeronaves
A decisão foi tomada após a morte de um cão Golden Retriever de cinco anos na segunda-feira, (22), devido a uma falha operacional durante o embarque
Após morte de cachorro, Gol suspende transporte de pets em porão das aeronaves
Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Gol suspendeu por 30 dias a partir desta quarta-feira (24), o serviço de transporte de cães e gatos para viagens no porão das aeronaves. 


A decisão foi tomada após a morte de um cão Golden Retriever de cinco anos na segunda-feira, (22), devido a uma falha operacional durante o embarque do animal de estimação em serviço prestado pela Gollog, empresa da companhia aérea. Segundo a Gol, o objetivo é concluir o processo de investigação do caso.


De acordo com a Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSP), a família que era tutora do cão prestou depoimento na tarde de terça-feira (23).


"A Delegacia do Meio Ambiente (Dicma) de Guarulhos instaurou inquérito policial para investigar todas as circunstâncias dos fatos. A mãe do tutor do animal compareceu à unidade policial e prestou depoimento", disse a SSP.


Conforme a investigação, o Golden Retriever morreu durante o transporte aéreo. O cachorro foi encaminhado a um hospital veterinário, onde foi submetido a exames de necropsia.


"Os laudos estão em elaboração e, assim que finalizados, serão analisados pela autoridade policial, que seguirá com as demais diligências para a elucidação do caso", acrescentou a pasta.


Entenda o caso


Joca deveria ter seguido para Sinop, em Mato Grosso, no voo 1480 de segunda-feira - o mesmo destino do seu tutor -, a partir do Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo. Mas o animal foi embarcado em um voo para Fortaleza, no Ceará.


"Assim que o tutor chegou em Sinop, foi notificado sobre o ocorrido e sua escolha foi voltar para Guarulhos para reencontrar o Joca. A Gol lamenta profundamente o ocorrido e se solidariza com a dor do seu tutor", disse a companhia.


Por meio das redes sociais, o tutor de Joca, João Fantazzini, lamenta a perda, assim como responsabiliza a Gol pela fatalidade. "Você é o amor da minha vida, desculpe por qualquer coisa. Eles precisam pagar. Mataram meu filho", publicou nos stories do Instagram.


"Mandaram ele para Fortaleza, que nem o meu destino era. Ele ficou dentro da caixa no sol de 40 graus e ainda voltou para Guarulhos. Um voo de 2 horas que se tornou (de) 10 horas para ele", criticou o tutor, por meio das redes sociais.


Posicionamento da companhia aérea Gol:


A Gol se solidariza com o sofrimento do tutor do Joca e de sua família. Entendemos a sua dor e lamentamos profundamente pela perda do seu animal de estimação. O cão deveria ter seguido para Sinop (OPS), no voo G3 1480 do dia 22/04/2024, a partir de Guarulhos (GRU), porém, por uma falha operacional o animal foi embarcado em um voo para Fortaleza (FOR).


Assim que o tutor chegou em Sinop, foi notificado sobre o ocorrido e sua escolha foi voltar para Guarulhos (GRU) para reencontrar o seu animal de estimação.


A equipe da Gollog na capital cearense desembarcou o cão e se encarregou de cuidar dele até o embarque no voo G3 1527 de volta para Guarulhos (GRU). Neste período, foram enviados para o tutor registros do animal sendo acomodado de volta na aeronave. Infelizmente, logo após o pouso do voo no aeroporto de Guarulhos, vindo de Fortaleza, fomos surpreendidos pelo falecimento do cão.


A companhia está oferecendo desde o primeiro momento todo o suporte necessário ao tutor e sua família. A apuração dos detalhes do ocorrido está sendo conduzida com total prioridade pelo nosso time.


Suspensão e restrição de serviços


Para se dedicar totalmente a concluir o processo de investigação deste evento, a Gol suspendeu por 30 dias (a partir desta quarta-feira, 24/04 até 23/05) a venda do serviço de transporte de cães e gatos pela Gollog Animais e pelo produto Dog&Cat + Espaço, para viagens realizadas no porão da aeronave. O serviço Dog&Cat Cabine, para clientes que levam seus pets na cabine do avião, não sofrerá nenhuma alteração.


Para os clientes que contrataram o transporte do seu pet entre 24/04/24 a 23/05/24 por meio dos serviços que estão com restrição, poderão optar por restituição total do valor, inclusive do valor da sua passagem (no caso de Dog&Cat + Espaço), ou por postergar a viagem, sem custo, para depois de 23/05/24 em voos até 31/12/2024.


Aqueles clientes que se encontram no destino de sua viagem e possuem um dos serviços restritos contratados para a volta serão atendidos se assim desejarem.


As equipes de aeroportos da Gol estarão à disposição para dúvidas ou através da central de atendimento pelo 0800 704 0465.

FONTE: https://www.folhavitoria.com.br/geral/noticia/04/2024/gol-suspende-transporte-de-pets-em-porao-das-aeronaves-apos-morte-de-cachorro

Veja também
Facebook
© Copyright : Todos os direitos reservados ( 14416 ) Pessoas que vizitaram esse site este mês